[OPINIÃO] Porque a Nintendo deve lançar jogos de Wii U no NINTENDO SWITCH

Depois que a Nintendo mostrou para o mundo seu novo console, o Nintendo Switch, não ia demorar até que rumores começassem a circular a internet. A maioria deles diz respeito a ports do Wii U para o novo console. Eles já existiam bem antes do anúncio, e mostrar Splatoon e Mario Kart (aparentemente o 8) com recursos inéditos no trailer de anúncio do Switch só reacendeu essa chama.

Splatoon, Mario Kart 8, Super Mario Maker e Super Smash Bros. for Wii U foram os jogos listados para ir para o novo console da Nintendo, todos cogitados como mais do que simples ports, mas versões .5 do jogo, com novos recursos além do material original do Wii U.

E o último dá conta de que Xenoblade Chronicles X também estaria na lista. E vamos utilizá-lo para iniciar uma discussão de como isso pode ser benéfico para todos os envolvidos. Desenvolvedores, Nintendo, e principalmente para NÓS, o consumidor final.

Xenoblade Chronicles X é um dos melhores RPGs já feitos. No Wii U? Também. Mas na história dos games em geral. O jogo é absurdo, com um mundo aberto de livre exploração (livre mesmo, você pode acessar continentes que não deveriam ser acessados naquele ponto do jogo, basta ter uma força de vontade enorme e sair nadando sem rumo). Com personagens carismáticos, missões desafiadoras, e deliciosas 100 horas de jogos na aventura principal, subindo para 400 a 500 caso queira cumprir todas as missões paralelas.

É um jogo que precisa ser jogado pela maior quantidade de pessoas possíveis, e como ele é um jogo exclusivo da empresa, nada mais justo do que dar a oportunidade dos donos de Switch usufruir dessa obra de arte, uma vez que, com o novo aparelho, a Nintendo pretende não apenas trazer os donos de Wii U, mas atrair novos entusiastas para seu jogos, aumentar significativamente a quantidade de jogadores. E quem não teve um Wii U vai poder jogar Xeno X, e viver essa experiência inesquecível.

O mesmo vale para Bayonetta 2. O jogo foi bancado pela Nintendo, então não existe a mais remota possibilidade de ser lançado em outras plataformas. E como ele teve vendas muito baixas no Wii U, leva-lo para o Switch seria uma estratégia mais do que acertada da Nintendo, para vender mais cópias do jogo, e nós sairíamos ganhando porque teríamos uma nova oportunidade de jogar um dos melhores jogos que a Platinum já fez. Novas pessoas teriam a oportunidade de jogá-lo.

E Star Fox Zero, com seus controles revolucionários por movimentos. E Captain Toad Treasure Tracker, com sua jogabilidade criativa, e Yoshi’s Woolly World, um dos jogos mais bonitos já feitos…

O Wii U é repleto de jogos criativos, divertidos, desafiadores. Apesar das vendas baixas e do pouco suporte de desenvolvedores thid-party, a Nintendo nunca abandonou o barco, e continuou criando experiências fantásticas baseadas em suas IPs. E muitos deles acabaram vitimados pelas vendas modestas do console. Agora é a hora de mostrar esses jogos para o resto do mundo, em um console que está sendo feito para vender, que está sendo feito para conquistar o mercado.

Devemos sempre lembrar que, não importa quanto ports ou remasters a Nintendo faça, ela sempre prioriza a criação de novos jogos, de novas experiências, então sabemos que ela pode portar TODA a biblioteca do Wii U, e ainda assim teremos novos Marios, Novos Zeldas, Kirbys, Yoshis, Donkey Kongs, Pikmins, e tudo mais que sabemos que podemos esperar dela. Isso nos deixa ainda mais seguros quanto aos ports, saber que caso eles existam mesmo, eles irão apenas complementar uma biblioteca variada que está por vir, e não serão a base dela.

E por isso nós dizemos que SIM. Caso aconteça, vai ser benéfico. Queremos ver jogos do Wii U no Switch, queremos ver mais pessoas jogando Xenoblade Chronicles X… Bayonetta 2, e Captain Toad Treasure Tracker.

Jornalista.
Hylian.
Mas talvez seja um Kokiri.
…ou um Korok.

1 thought on “[OPINIÃO] Porque a Nintendo deve lançar jogos de Wii U no NINTENDO SWITCH

Comments are closed.